Os sofrimentos familiares são como elos de uma corrente que se repetem de geração em geração...


...até que um descendente tome consciência e transformea maldição em bênção. - Bert Hellinger

Em seu caminho como terapeuta, Bert percebeu que muitos pacientes traziam algumas dores que não conseguiam resolver. Chegava a um dado momento do processo terapêutico que tudo parava, emperrava, não saía mais do lugar. Por mais que o paciente tivesse uma enorme vontade de resolver determinada questão em sua vida, não conseguia.

Depois de muita pesquisa, Bert descobriu que mais de 60% das nossas questões não são unicamente de cunho comportamental (traumas, coisas que marcaram a nossa infância, adolescência e juventude). São na verdade questões que herdamos do nosso sistêma familiar - nossos pais, bisavós, tataravós... Assim como herdamos a cor dos olhos e da pele, herdamos uma "força" que impacta a nossa vida e que nos trás algum sofrimento e dificuldade de mudar algumas coisas que desejamos.

As coisas boas que herdamos são os bons passos dados por quem veio antes de nós e nos fornece FORÇA. Já as coisas que aconteceram de forma equivocada aos nossos familiares antepassados, chegam até nós como uma possibilidade de contribuir para reorganizar esse sistêma, o qual pertencemos...

Constelar é olhar para trás, tomar consciência dos acontecimentos e passos dados por quem veio antes de nós e, a partir daí, modificar o sistema, contribuir com mudanças positivas e significativas.

Direito Sistêmico se baseia nisto para procurar uma solução verdadeira para os conflitos, de forma mais humanizada.

Quer entender melhor como funciona? Envie uma mensagem inbox ;)

Referência:

Instituto Ipê Roxo: https://iperoxo.com/2017/06/27/era-uma-vez-um-alemao-bert-hellinger/?wref=tp

Constelação Sistêmica Marisa Oliveira: https://www.youtube.com/watch?v=fLi2SXi-6VE&t=806s

#ConstelaçãoSistêmica #DireitoSistêmico #DireitoSistêmicoemSC #BertHellinger

Posts Recentes
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

© 2023 por  Juliana Foggaça.